8 hábitos que podem estar "sugando" a sua energia

Muito além das horas de sono, até o excesso de cafeína pode deixar o corpo cansado

POR JÉSSIE PANEGASSI

Hábitos e atitudes do dia a dia fazem toda a diferença na disposição, tanto para as atividades cotidianas quanto para praticar exercícios físicos. E estes hábitos vão muito além das horas de sono, quantidade e ritmo de trabalho de cada pessoa - a sua postura, opção de sobremesa ou lanche da tarde e até aquele "inocente" cafezinho num momento de intervalo do trabalho podem estar sugando as suas energias. Também é importante saber ler os sinais que o seu corpo dá de que algo não está funcionando corretamente ou está demandando muita energia. "A partir do momento que você lembra de alguma parte do seu corpo, você está desprendendo energia a mais para o seu funcionamento, da mesma forma que uma pessoa com um ataque de asma lembra de respirar e isso está demandando maior esforço dela", diz o angiologista e cirurgião vascular Bruno de Lima Naves. Conheça oito hábitos que podem estar sugando a sua energia e disposição:

Comer muito açúcar

A ingestão de qualquer nutriente de forma exagerada pode causar prejuízos ao organismo. O consumo de açúcar em grandes quantidades, por exemplo, está relacionado ao ganho de peso, obesidade, diabetes, hipertensão entre outros problemas. "O excesso se dá quando uma pessoa ultrapassa a sua capacidade de absorver aquele nutriente, mas esses limites são individuais e uma vez que são ultrapassados vão fazer mal. Como as doenças relacionadas ao consumo exagerado de açúcar são, em sua maioria, silenciosas, um importante sinal de alerta para buscar ajuda médica é se você está comendo a mesma quantidade de açúcar e ficando mais cansado", afirma Guilherme Giorelli, médico nutrólogo da Associação Brasileira de Nutrologia. A sensação de cansaço ou fraqueza após comer muito açúcar "acontece por causa de um fenômeno chamado maré alcalina, que nada mais é do que a própria produção do suco gástrico - que faz parte do processo de digestão - que quando comemos em excesso acaba gerando uma grande quantidade de bicarbonato de sódio. Esse bicarbonato causa no sangue o que se chama de alcalose metabólica, conhecida como maré alcalina pós-prandial (pós-refeições), o que faz com que o cérebro diminua a atividade de alerta, daí a sensação de sugar as energias", explica a endocrinologista Andressa Heimbecher, da Sociedade Brasileira de Endocrinologia.

Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.