Tomilho alivia tosses e é aliado do cérebro

Planta também é benéfica para os cabelos e pele e contribui para a redução de febres

O tomilho (Thymus vulgaris) é uma planta medicinal que pertencente à família Lamiaceae. Ele é conhecido por suas propriedades culinárias e farmacológicas. O tomilho pode ajudar a reduzir febres e episódios de tosse em alguns pacientes.

PUBLICIDADE

Na Primeira Guerra Mundial o tomilho foi utilizado para tratar infecções e aliviar a dor. Na Roma Antiga os soldados utilizavam o tomilho no banho para proporcionar coragem.

Nutrientes

O tomilho é rico em óleos voláteis e minerais, sendo que o Timol é a principal substância que constitui esses óleos. Ele também é rico em substâncias bioativas como fenóis e flavonoides. Seus constituintes são afetados pelo clima e solo onde são cultivados.


Benefícios em estudo do tomilho

Alivia tosses: Alguns estudos realizados com os extratos secos do tomilho mostraram que ajuda a reduzir os episódios de tosse em pacientes com bronquites quando comparados a placebo. Este benefício provavelmente ocorre devido a atividade antimicrobiana e antioxidante do tomilho.

Previne o envelhecimento cerebral: Um estudo experimental em ratos publicado na revista científica Biochemical and Biophysical Research relata que o óleo de tomilho ajuda ao proteger contra mudanças relacionadas ao avanço da idade nas células cerebrais.

Contribui para a redução das febres: Devido a sua composição química e atividades farmacológicas suas folhas e flores são usadas para vários propósitos como antiespasmódico, expectorante, antitussígeno e anti-inflamatório, podendo auxiliar na redução da febre.

Aliado da pele e cabelo: O óleo de tomilho pode fazer parte da composição de pomadas no combate a acne e de shampoos para o tratamento de caspas.

Quantidade recomendada

A orientação é ingerir de 1 a 4 gramas da erva seca por dia.

Como consumir

O tomilho é muito versátil e pode ser utilizado em diversas preparações. Ele também pode ser consumido na forma de chá.

Cuidados ao consumir

A prevalência do uso de produtos de ervas medicinais á alta e continua a aumentar. É importante estar atento à segurança da utilização destes produtos, pois contém substâncias farmacologicamente ativas que podem interagir com outros medicamentos e por sua vez colocar em risco a saúde do paciente. O tomilho reduz e pode até inibir o efeito do 5- Fluorouracil e não deve ser utilizado por pacientes em quimioterapia com este medicamento.

O tomilho reduz a concentração de hormônios da tireoide e deve ser utilizado com cuidado por pacientes que utilizam medicamentos tóxicos ao fígado.

Efeitos colaterais

Além dos problemas que o tomilho pode causar a algumas pessoas com condições de saúde específicas, ainda não existem estudos de toxicidade da erva.

Fonte consultada

Nutricionista Maria Emilia Fabre da Sociedade Brasileira de Nutrição Enteral e Parental.